Excesso de veículos gera 170 km de lentidão em SP

Segundo a CET, a situação de congestionamento ainda deve piorar nas próximas horas

Elvis Pereira, estadao.com.br

14 de novembro de 2007 | 17h32

As vias paulistanas acumulavam um total de 170 quilômetros de congestionamento às 17h05 horas desta quarta-feira, 14, véspera do feriado prolongado de Proclamação da República, em decorrência do excesso de veículos. O índice corresponde a 20,7% dos 820 km monitorados pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). A situação, segundo a CET, deve piorar nas próximas horas.   Ao vivo: sistema Castelo Branco-Raposo Tavares  Ao vivo: sistema Anhangüera-Bandeirantes  Ao vivo: Rodovia Presidente Dutra  Ao vivo: estradas que dão acesso ao litoral  O que abre e o que fecha na capital durante o feriado   Na véspera do feriado, aeroportos têm movimento calmo Chegada de frente fria deixa o tempo nublado durante o feriado As marginais do Pinheiros e do Tietê reuniam os principais pontos de lentidão da cidade. Na primeira, havia 10,2 km de trânsito pesado na pista expressa entre a Rodovia Castello Branco e a Ponte Engenheiro Ary Torres, no sentido Interlagos. A segunda tinha 14,6 km de morosidade a partir da Castello Branco até a Rua Azurita, no sentido Ayrton Senna.  O motorista que seguia pelo Corredor Norte-sul (formado pelas avenidas 23 de Maio, Rubem Berta e Moreira Guimarães) se deparava com fluxo ruim nos dois sentidos. No sentido Santana, o corredor apresentava 8,7 km de engarrafamento entre a Praça da Bandeira e o Viaduto João Julião da Costa Aguiar. A pista sentido Aeroporto de Congonhas estava congestionada da Avenida Jamaris até a Praça da Bandeira, o que equivale a 7,2 km. A Avenida dos Bandeirantes tinha mais 7,1 km de trânsito parado do Viaduto Aliomar Baleeiro até a Marginal do Pinheiros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.