Ex-secretário-geral da Previdência morreu no acidente

Um dos mortos no desastre da TAM, na terça-feira, o vice-presidente executivo da Associação Brasileira de Indústria Química (Abiquim), Guilherme Duque Estrada de Moraes, de 65 anos, mora no Rio de Janeiro. Na sua casa, quem atendeu ao telefone foi uma empregada doméstica. Ela disse que a família estava reunida e não daria entrevista.  Nascido em Niterói, o executivo morava em São Paulo e mantinha uma apartamento para os filhos em São Conrado, na zona sul do Rio. Duque Estrada foi secretário-geral da Previdência Social no governo João Figueiredo e também trabalhou no Programa Nacional de Desburocratização.  A diretora adjunta para Assuntos Regulatórios da Abiquim, Marta Almeida também estava no vôo. Ela nasceu em Minas Gerais e morava em São Paulo. Os dois tinham viajado ao Rio Grande do Sul para dar uma palestra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.