Paulo Liebert/AE - 11/07/08
Paulo Liebert/AE - 11/07/08

Ex-Polegar deve ficar internado ao menos até quinta-feira

Psiquiatra do cantor Rafael Ilha, que teria transtorno bipolar, disse que prefere mantê-lo em observação

Fabiana Marchezi, Central de Notícias

21 de outubro de 2009 | 14h52

O ex-Polegar Rafael Ilha deve ficar internado no Hospital São Luiz no Morumbi, na zona sul de São Paulo, ao menos até quinta-feira, 22, segundo o psiquiatra Aloisio Priuli, que cuida do ex-cantor há mais de dez anos. "Ele está bem, medicado, calmo, mas eu prefiro que ele fique no hospital em observação pelo menos até amanhã", disse.

Rafael Ilha passou por uma cirurgia para suturar um pequeno corte provocado por ele mesmo durante um suposto surto psicótico na tarde de terça. Segundo o psiquiatra, o ex-Polegar sofre de transtorno bipolar há alguns anos. "Por enquanto, os exames não constataram que ele estaria sob influência de drogas. O que eu sei é que ele estava sem tomar os medicamentos recomendados para evitar as crises."

 

Ilha estava em um prédio na Avenida Giovanni Gronchi, altura do número 6600, na zona sul, quando se feriu no pescoço. O Corpo de Bombeiros disse que Rafael Ilha estaria dentro do elevador, quando vizinhos acionaram a polícia e os bombeiros.

 

Ex-membro do Polegar, fenômeno musical sucesso no final da década de 1980, Ilha - que no auge da fama chegou a namorar a atriz Cristiana Oliveira, entre 1990 e 1991 - já protagonizou diversas polêmicas e foi preso seis vezes. Relembre os casos:

   

JULHO DE 2008

Ilha é preso acusado de tentar sequestrar a universitária Karina Costa. Segundo a acusação, o ex-cantor  levou a jovem a força para uma clínica para recuperação de dependentes químicos que possuía em Embu, interior paulista.

 

SETEMBRO DE 2007

O ex-Polegar se envolve em briga na zona norte da Capital após perseguir um ex-interno de uma de suas clínicas de desintoxicação. Na ocasião, a ocorrência foi registrada no 40º DP como lesão corporal. Ninguém foi preso. Ilha informou à polícia ter sido agredido pelo paciente.

 

JANEIRO DE 2006

Ilha é preso por ter roubado um policial militar na saída de um banco na Zona Sul, mas conseguiu um alvará de soltura e saiu da prisão no mesmo dia.

 

ABRIL DE 2005

Ele é preso por porte ilegal de armas em Itapecerica da Serra.

 

AGOSTO DE 2000

Ele foi detido, por porte de dois papelotes de cocaína e é liberado após pagar fiança.

 

FEVEREIRO DE 2000

O ex-cantor é operado na Santa Casa de Misericórdia de Bragança Paulista após tentativa de suicídio. Ele engoliu uma pilha, três isqueiros e uma caneta.

 

ABRIL DE 1999

É preso por dirigir um carro sem documento. Dentro do carro havia um saquinho plástico com cocaína.

 

MARÇO DE 1999

Vai para o 15º Distrito Policial, do Itaim Bibi, por direção perigosa.

 

SETEMBRO DE 1998

Ilha é preso na Zona Sul por roubar um vale-transporte e R$ 1.

Tudo o que sabemos sobre:
Rafael IlhaPolegarhospitalSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.