Ex-parlamentar é detido pela polícia em Guarulhos

Ex-presidente da Câmara teria desacatado policiais militares durante discussão de trânsito

Ricardo Valota, da Central de Notícias,

15 de agosto de 2009 | 07h17

O ex-presidente da Câmara Municipal de Guarulhos(Grande SP), Sebastião Bispo da Silva, de 47 anos, o "Alemão", foi detido, por volta das 22h30 de sexta-feira, 14, ao se desentender com policiais militares da 3ª Companhia do 15º Batalhão no Jardim Acácio, na mesma cidade.

 

Em patrulhamento pelas ruas próximas à Avenida Silvestre Pires de Freitas, o cabo Evangelista e o soldado Valdir, da viatura M-15340, resolveram abordar um Ford Fiesta preto, ocupado por três mulheres e estacionado de forma irregular. O Fiesta, segundo os PMs, atrapalhava o fluxo de veículos na esquina da Rua Cassiano Gomes com a Rua Tacayosi Tamura.

 

Segundo relato dos PMs, uma das mulheres, que afirmou ser esposa de "Alemão", se irritou ao ver que os policiais iriam multá-la pela infração de trânsito e resolveu ligar para o marido, que apareceu minutos depois em outro veículo. Alterado, o ex-presidente da Câmara, segundo os policiais, deu início à sessão de desacatos.

 

"Eu já havia feito a multa quando ele tomou o bloco da minha mão, rasgou as folhas, me chamou de vagabundo, dizendo que era ele quem comandava a PM na cidade, que era o presidente da Câmara e que iria tirar a minha farda, me forçando a 'catar latinha' para sustentar minha família", relatou o cabo Evangelista. Segundo ainda o policial, ao se atracar com eles (PMs), antes de ser algemado, Bispo se desequilibrou, caiu e bateu o nariz contra o chão. Ferido, o ex-vereador foi levado ao pronto-socorro São João e acabou transferido para a Casa de Saúde da cidade.

 

Até as 6h30 deste sábado, 15, o delegado do 7º Distrito Policial de Guarulhos não havia encerrado o boletim de ocorrência, pois "Alemão" ainda estava no hospital e seria ouvido na delegacia. O ex-vereador poderá ser autuado por desacato e resistência.

 

Nascido em Tupã, interior paulista, e com o Ensino Médio incompleto, Bispo foi presidente da Câmara Municipal de Guarulhos entre fevereiro e dezembro de 2000 e entre 2003 e 2004, ano em que, pela coligação PPS/PSDB, disputou a Prefeitura da cidade, mas não foi eleito.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.