Ex-atleta de basquete do Palmeiras morre durante assalto

José Francisco Fappi, de 47 anos, foi atingido por um disparo na altura da artéria aorta

Ricardo Valota, da Central de Notícias,

26 Maio 2009 | 04h03

O supervisor da equipe de basquete da Sociedade Esportiva Palmeiras foi morto, por volta das 20 horas desta segunda-feira, ao ser abordado por ladrões na Rua Nilo, próximo do Tênis Clube Paulista, na região do Paraíso, zona sul de São Paulo.

 

José Francisco Fappi, de 47 anos, havia acabado de estacionar um Corolla azul, placas AAA- 2649/Araucária (PR), quando pelo menos dois bandidos o surpreenderam e anunciaram o assalto. Não se sabe ainda se a vítima reagiu. Os ladrões atiraram contra o ex-atleta, que foi atingido na altura da artéria aorta. Mesmo levado ao pronto-socorro do Hospital do Servidor Público Municipal (PS vergueiro), José Francisco não resistiu e morreu.

 

O carro dele foi levado segundo a polícia. Familiares de Fappi compareceram no 5º Distrito Policial, da Aclimação, e disseram ao delegado o ex-atleta do Palmeiras iria participar de uma partida de basquete com outros veteranos, para um reencontro e uma confraternização entre eles.

 

Atualizado às 05h06 para acréscimo de informações

Mais conteúdo sobre:
assalto ex-atleta Palmeiras Fappi

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.