Estudante quer recomprar notebook roubado no RS

Preocupado com a perspectiva de perder os trabalhos escolares arquivados em um computador roubado de sua casa, o universitário Fernando Luís dos Santos fez uma proposta pública de negociação. "Senhor ladrão, compro meu notebook de volta", escreveu em um cartaz que expôs na tarde de ontem, diante da residência, em Santa Rosa, no noroeste do Rio Grande do Sul.

ELDER OGLIARI / PORTO ALEGRE, O Estado de S.Paulo

04 de maio de 2012 | 03h02

Acadêmico do oitavo semestre do curso de Veterinária da Unijuí, com perspectiva de embarcar para um intercâmbio em Portugal em outubro, ele notou a falta do notebook e de um videogame quando voltou para casa, ao fim das aulas de quarta-feira. O estudante não estabeleceu quanto admite pagar, mas promete estudar qualquer proposta porque, mais do que um computador de valor estimado em R$ 3,5 mil, tem informações de seus estudos e de sua vida particular.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.