Estudante equatoriano é achado morto em hotel

O estudante equatoriano Marco Santiago Bustamante Espinosa, de 21 anos, que cursava o 1.º ano de Cinema e Audiovisual na Universidade Federal da Integração Latinoamericana (Unila), em Foz do Iguaçu (PR), foi encontrado morto domingo à tarde no hotel que serve como alojamento para os estudantes. A polícia não acredita em homicídio, porque não havia sinais de violência. Amigos de Espinosa disseram que ele tomava medicamento controlado e teria bebido na noite anterior. O corpo foi encontrado no quarto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.