ESTREIA NA PONTE DO LIMÃO 1ª FAIXA REVERSÍVEL AUTOMÁTICA

Sinais fazem demarcação de pistas e liberam marronzinhos da tarefa

O Estado de S.Paulo

25 de fevereiro de 2013 | 02h04

Quem passa pela Ponte do Limão, ligação entre centro e zona norte, já vê um tipo de semáforo diferente - um "X" vermelho ou uma seta verde, dependendo do horário.

Os sinais fazem parte da primeira faixa reversível automática da cidade. A proposta da Prefeitura é que a montagem das faixas exclusivas deixe de ser feita por marronzinhos para ser acionada automaticamente em horários de pico. Atualmente, agentes têm de colocar e retirar cones para criar a faixa reversível na hora do rush.

A faixa serve para dar mais uma pista de circulação ao sentido com maior volume de veículos (em direção ao centro pela manhã e ao bairro à tarde).

Com a medida, a Prefeitura pretende dar mais fluidez aos corredores viários e aumentar a velocidade dos ônibus. Com menos marronzinhos montando a faixa, eles podem se concentrar na engenharia de tráfego.

O secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, garante que a ideia será expandida a outras pontes e faixas reversíveis, como a Radial Leste. "Recomendo ao pessoal começar a andar de ônibus. Vocês vão ver a velocidade do corredor aumentar", promete.

Zeladores. A CET também está alterando a divisão das gerências de gestão do tráfego. No lugar de um gerente responsável por uma região - como Pinheiros ou Santo Amaro -, os gerentes vão se transformar em "zeladores dos corredores".

Atualmente, um mesmo corredor pode ser cortado por mais de uma gerência da CET. E cada chefia cuida dos problemas que surgem em sua área. Com a mudança, o gestor vai ter de olhar para o corredor como um todo. "Na Avenida 9 de Julho, o gerente vai cuidar também da Avenida Santo Amaro e ir até Itapecerica da Serra", explica o secretário. "Precisamos mexer ainda nos gargalos dos bairros, fora do centro expandido. Na periferia, o trânsito não anda. Nosso plano é levar o agente da CET à periferia, começando por um plano piloto no Grajaú (zona sul)." / B.R. e C.V.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.