'Estragaram nossa festa', diz presidente da Mocidade

Carregando o troféu de campeã do carnaval 2012, a presidente da Mocidade Alegre, Solange Bichara, chorou ao chegar à quadra da agremiação no início da madrugada de ontem. "Fiquei chateada com tudo isso. Não queria que a vitória viesse dessa forma. Queria que as últimas notas fossem lidas e as pessoas entendessem que não foi culpa minha nem da Mocidade. Eu fiquei esperando resultado. Não invadi a área da divulgação do resultado nem rasguei as notas", disse.

O Estado de S.Paulo

23 de fevereiro de 2012 | 03h02

Questionada sobre a participação no desfile das campeãs, Solange afirmou que está mantida. "Estou feliz pela minha escola, pelo trabalho que todos exerceram. Mas não vou desfilar com o maior dos sorrisos na sexta-feira. Estragaram a nossa festa", lamentou. "Acho que todo mundo perdeu com esse episódio. Minha escola perdeu, as escolas que não tiveram o direito de saber suas últimas notas perderam. O samba perdeu". / CRISTIANE BONFIM

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.