SSP/SP
SSP/SP

Estado de São Paulo passará a emitir novo modelo de RG a partir desta terça

Documento poderá conter dados do título de eleitor, numeração da carteira de trabalho, certificado militar e CNH; identidade no modelo antigo continua valendo

Ana Paula Niederauer, O Estado de S.Paulo

19 de agosto de 2019 | 16h10
Atualizado 20 de agosto de 2019 | 13h12

SÃO PAULO - A partir desta terça-feira, 20, o Estado de São Paulo passará a emitir novo modelo de carteira de identidade (RG). Além de ter a dimensão reduzida, o documento poderá conter registros como título de eleitor, numeração da Carteira de Trabalho e Previdência Social, certificado militar, carteira nacional de habilitação, documento de identidade profissional, carteira nacional de saúde e NIS/PIS/Pasep.

Os novos parâmetros do documento atenderão ao Decreto Federal 9.278 de 2018, que padroniza as novas cédulas de identidade. O prazo para que os Estados atendam a determinação é março de 2020.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP/SP), além de incluir novos dispositivos que aumentarão a segurança contra falsificação, o novo RG traz a possibilidade da inclusão de nome social sem a necessidade de alteração no registro civil.

Também poderão constar na cédula indicativos para portadores de necessidades especiais e códigos referentes ao Código Internacional de Doenças (CID). 

A emissão dos novos documentos estará disponível em todos os postos do Poupatempo do Estado e poderá ser solicitado por quem vai emitir a carteira de identidade pela primeira vez ou para aqueles que forem providenciar a segunda via. É importante ressaltar que os documentos no modelo antigo continuam valendo normalmente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.