TIAGO QUEIROZ/ESTADÃO
TIAGO QUEIROZ/ESTADÃO

Esquina da Ipiranga com a São João ganha faixa em X

Medida implementada pela CET reduz tempo de travessia do pedestre; é o segundo local onde a estratégia foi adotada

Mônica Reolom, O Estado de S. Paulo

27 Janeiro 2015 | 03h00

Um dos cruzamentos mais famosos da cidade de São Paulo, entre as Avenidas Ipiranga e São João, recebeu nesta segunda-feira, 26, a segunda faixa de pedestres da capital em formato de “X”. Em dezembro, as Ruas Riachuelo e Cristóvão Colombo, também no centro, haviam inaugurado o desenho.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) explica que a faixa em “X” visa a “facilitar a vida dos pedestres”, que, em vez de “efetuar a travessia em duas etapas distintas (uma via por vez) para atingir a esquina oposta, podem fazê-lo em uma única passagem”. Com a medida, o tempo médio de travessia aos pedestres cairá de dois minutos e meio (159 segundos) para um minuto e meio (88 segundos).

Passam pelo cruzamento cerca de 80 pessoas por minuto à tarde, período de maior movimento. Já pela manhã, são 40 por minuto.

Inspiração. O projeto, que vai ser estendido a outros endereços nos próximos meses, é inspirado nos modelos de Tóquio, no Japão, uma das cidades mais movimentadas do mundo. Equipes da CET farão o acompanhamento das intervenções para garantir a segurança de pedestres e motoristas.

A iniciativa faz parte do Projeto Centro Aberto, da Prefeitura, que prevê qualificar os espaços físicos, promover atrações culturais nas ruas e qualificar ações de proteção e priorização de pedestres e ciclistas na região central da cidade.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo CET

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.