Escultura vira polêmica no Mario Covas

A doação da escultura Sonho de Liberdade para o Parque Mario Covas, na Avenida Paulista, virou polêmica. Os gestores a rejeitam, por ter "cunho político" e tirar a visibilidade. A doadora, Fundação Mario Covas, nega e diz que a peça vai para o parque. A Prefeitura ainda não decidiu.

O Estado de S.Paulo

18 Abril 2012 | 03h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.