Escolas terão nomes de vítimas do massacre

Os Espaços de Desenvolvimento Infantil (EDIs) que forem inaugurados pela prefeitura do Rio receberão os nomes das 12 vítimas do massacre de 7 de abril na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na zona oeste da cidade. A primeira homenageada será Samira Pires Ribeiro, de 13 anos. As unidades, que unem creche e pré-escola, atendem crianças de 6 meses a 5 anos e meio. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, o EDI que receberá o nome de Samira fica em Guaratiba, também na zona oeste do Rio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.