Escola é incendiada e caixa eletrônico, furtado

Um incêndio destruiu, à 0h50 de ontem, parte da Escola Estadual Padre Longino Vastbinder, em Mogi-Guaçu (SP). A polícia acredita em incêndio criminoso, porque lixeiras de ruas próximas também foram queimadas praticamente no mesmo horário. Nenhum suspeito havia sido detido até ontem à noite. Às 2h30, na mesma cidade, cinco criminosos arrombaram o caixa eletrônico do Bradesco em um quiosque na Rua Mogi-Mirim. Eles levaram malotes de dinheiro, mas não se sabe a quantia. Policiais abordaram dois suspeitos na Rodovia SP-340. A dupla foi presa. Os outros três continuavam foragidos.

O Estado de S.Paulo

22 Dezembro 2011 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.