Erosões ainda bloqueiam as rodovias SP-463 e SP 321 em Auriflama e Iacanga

Problemas de arrastam desde janeiro e ainda não há previsão de liberação segundo o DER

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

24 de fevereiro de 2012 | 00h43

SÃO PAULO - Erosões causadas pelas chuvas ainda bloqueiam duas rodovias no interior do Estado de São Paulo. Uma em Auriflama, região noroeste, a 600 quilômetros da capital, outra em Iacanga, região centro-norte, a 370 quilômetros de São Paulo.

 

A Rodovia Eliezer Montenegro Magalhães (SP-463) está bloqueada, desde o dia 11 de janeiro, no quilômetro 100,5, em Auriflama. Segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), toda a pista cedeu e ainda não há previsão de término das obras de reconstrução daquele trecho. Tanto o motorista que segue no sentido Jales como quem está no sentido Araçatuba é obrigado a fazer um desvio pela Rodovia Washington Luís (SP-310) e passar por dentro de Auriflama para entrar novamente na SP-463.

 

No dia 18 de janeiro, o DER foi obrigado a bloquear também ambos os sentidos da Rodovia Cezário José de Castilho (SP-321), no quilômetro 398, no trevo de Iacanga, onde um buraco que se formou devido à ação das chuvas. Também não há previsão de liberação do trecho. O motorista que está na SP-321 faz o desvio no quilômetro 390 pela Rodovia Hilário Spuri Jorge (SP-331), sentido Reginópolis, acessando na sequencia a Rodovia Marechal Rondon (SP-300) e outras vias municipais da região.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.