Equipe especializada vai resgatar e tratar animais

Os animais que sobreviveram à catástrofe no Rio também receberão ajuda. Amanhã chega à região uma equipe da Sociedade Mundial de Proteção Animal (WSPA), que terá um veterinário da Costa Rica, especialista em desastres. Dois profissionais de São Paulo integrarão o grupo. Além do resgate, a ideia é alimentar, vacinar, tratar os doentes e encaminhar para abrigos os que perderam casas e donos.

Marici Capitelli, O Estado de S.Paulo

16 Janeiro 2011 | 00h00

A veterinária Amélia de Oliveira, de 46 anos, viaja na madrugada sem data para voltar. "Não dá para olhar essa tragédia só pela televisão." Há quase três anos ela criou o projeto Veterinários na Estrada, para atender animais em todo o País. Filiado ao WSPA, é a primeira vez que vai atuar em uma região de catástrofe. E também acabou mobilizando uma rede que arrecada doações.

Até sexta-feira, o veterinário Danilo Pastorello, de 28 anos, estará de folga do hospital veterinário em que trabalha para participar do grupo. "Vi a oportunidade de ajudar." Rosângela Ribeiro, gerente do projetos da WSPA, afirmou que uma empresa doou 1 tonelada de ração e um laboratório, vacinas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.