Enterrado menino de 11 anos morto na escola

RIO

, O Estado de S.Paulo

18 de julho de 2010 | 00h00

Wesley Rodrigues de Andrade, de 11 anos, morto com um tiro de fuzil dentro da sala de aula no Rio, foi enterrado ontem. Sobre o caixão, a família colocou a camiseta do São Paulo, time pelo qual o menino torcia. Parentes, professores e colegas estavam emocionados. "Não quero mais estudar lá", disse seu amigo Douglas, de 10 anos. Wesley e outras 30 crianças assistiam à aula quando policiais e traficantes trocaram tiros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.