Engenheiro é morto em assalto na porta de casa na zona sul da capital paulista

Não se sabe ainda se a vítima reagiu; dupla fugiu com o carro do agrônomo José Sidnei Gonçalves

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

22 de maio de 2012 | 06h24

SÃO PAULO - Um técnico do Ministério da Agricultura foi morto a tiros, na noite de segunda-feira, 21, no Jardim da Saúde, zona sul da capital paulista, por dois assaltantes na porta de casa, localizada na Rua Vitor Costa.

 

O engenheiro agrônomo José Sidnei Gonçalves, de 55 anos, foi atacado quando chegava à residência, momento em que foi surpreendido pela dupla, que exibiu as armas, exigindo que ele entregasse as chaves do carro, um Chevrolet Astra.

 

Não se sabe se houve reação por parte do técnico, que foi baleado no tórax e morreu quando era atendido no pronto-socorro do Hospital São Paulo. Os criminosos fugiram, levando o carro da vítima, e ainda não foram identificados.

 

O latrocínio foi registrado no plantão do 16º Distrito Policial, da Vila Clementino, e deve ser investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.