Polícia acha empresário sequestrado dentro de porta-malas em SP

Segundo a Polícia Militar, dupla havia feito contato com a família da vítima e exigia R$ 3 milhões de resgate

Juliana Diógenes, O Estado de S. Paulo

21 de agosto de 2015 | 10h44

Atualizada às 11h05

SÃO PAULO - O proprietário de uma fábrica de móveis, Stefan Shatan, de 24 anos, foi libertado na madrugada desta sexta-feira, 21 após ter sido sequestrado. O empresário foi raptado às 8h de quinta-feira e resgatado por policiais militares do Batalhão de Policiamento do Choque às 3h45 de sexta. 

Shatan estava amarrado no porta-malas de um veículo em Pinheiros, na zona oeste da capital. Dois criminosos foram presos. As informações são da Polícia Militar.

Durante patrulhamento no bairro, homens da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (ROCAM) suspeitaram de um veículo na Avenida Professor Herman Júnior. Dois homens dirigiam um GM/Omega com placa de Itapecerica da Serra, município da Região Metropolitana. 

Ao perceber a aproximação da polícia, a dupla fugiu. A equipe interceptou o veículo, fez uma revista no interior do carro e localizou o empresário amarrado no porta-malas.

Segundo a Polícia, Shatan foi libertado ileso e a dupla de criminosos foi conduzida à Delegacia Anti-Sequestro. 

Os bandidos já haviam feito contato com a família da vítima e estavam exigindo R$ 3 milhões de resgate. A PM não soube informar se o dinheiro chegou a ser pago.

Tudo o que sabemos sobre:
SequestroViolênciaSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.