Empresário é acusado de matar policial federal

O empresário rural de Cascavel Alessandro Meneghel, ex-presidente da Sociedade Rural do Oeste (SRO), foi preso na manhã de ontem, sob acusação de ter matado o policial federal Alexandre Drummond Barbosa, de 36 anos, por volta das 3h30 da madrugada. Os dois teriam se desentendido em uma casa noturna. Meneghel deve responder por homicídio qualificado. Ele já esteve preso por três meses em 2009, sob acusação de porte ilegal de arma. Em 2007, ele foi indiciado pelo Ministério Público por formação de quadrilha ou bando armado sob alegação de defesa de propriedades rurais da região contra invasões.

O Estado de S.Paulo

15 Abril 2012 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.