Em véspera de feriado, SP tem 2º pior engarrafamento do ano

Ao todo, às 19 horas, haviam 227 quilômetros de lentidão espalhados pela capital; marginais eram piores pontos

Elvis Pereira, do estadao.com.br,

18 de abril de 2008 | 19h34

O total de congestionamento em São Paulo atingiu o segundo maior índice deste ano para o período da noite. Às 19 horas desta sexta-feira, 18, véspera de feriado prolongado de Tiradentes, o excesso de veículos gerava 227 quilômetros de lentidão, dois a menos em relação ao pior número do ano, registrado em 3 de abril. Os dados são da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).  VEJA TAMBÉMAcompanhe a situação do trânsito rua-a-rua    Alto fluxo de carros em rodovias do litoral paulista gera lentidãoConfira o que abre e o que fecha no feriado de Tiradentes1,2 milhão de carros devem deixar a capital no feriado As marginais do Tietê e do Pinheiros reuniam as maiores filas de engarrafamento da cidade. Na primeira, havia 14,7 quilômetros de morosidade na pista expressa, entre a Rua Azurita e a Rodovia Castelo Branco, e 10,8 quilômetros na local, da Ponte da Casa Verde até a Castelo, no sentido da Rodovia Ayrton Senna. Já a via expressa da Pinheiros estava com pontos de parada por 12,1 quilômetros, na pista sentido Interlagos, e por 7 quilômetros na sentido Castelo.  Quem seguia pela Avenida dos Bandeirantes deparava-se com 7 quilômetros de trânsito ruim no sentido da Marginal do Pinheiros e mais 6 quilômetros no sentido contrário, da Rodovia dos Imigrantes. A Radial Leste tinha 4,8 quilômetros de congestionamento no sentido bairro, a partir do Viaduto Pires do Rio. No Corredor Norte-Sul, formado pelas Avenidas 23 de Maio, Rubem Berta e Moreira Guimarães, havia acumulado mais de 4 quilômetros de morosidade em cada sentido.

Tudo o que sabemos sobre:
trânsitocongestionamentoCET

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.