Em um mês, linha ganhou 2 milhões de passageiros

Na 2ª quinzena de setembro, antes de a Linha 4-Amarela funcionar em horário integral, a ViaQuatro, que administra a linha, recebeu 3,7 milhões de pessoas. Na 2ª quinzena de outubro, já com operação integral (das 4h40 à meia-noite), o número subiu para 5,9 milhões.

O Estado de S.Paulo

21 Novembro 2011 | 03h03

De um mês para outro, o total de passageiros na República - ligação da Linha 4 com a Linha 3-Vermelha, a mais superlotada do Metrô - passou de cerca de 409 mil para 1,2 milhão.

O presidente do Metrô, Sérgio Avelleda, afirma que a redistribuição dos passageiros não criou gargalos. "República não é gargalo. Nem Pinheiros, que é ampla. E há medidas para evitar superlotação nas outras estações, como Consolação."

Na Luz, o aumento também impressiona. Em outubro, os 991 mil usuários representaram mais do que o dobro do recebido em setembro - 422 mil.

Para o consultor Horário Figueira, é preciso verificar se as estações do novo ramal aguentam tantas pessoas. "Algumas estações deveriam ter plataforma central. E há ainda planos de expandir essa linha além da Luz, o que deve atrair mais gente."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.