Em SP, chuvas abrem buracos e complicam o trânsito da cidade

Buraco na esquina das ruas Frei Caneca e Dona Antônia de Queiroz impede circulação de veículos grandes

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

24 de novembro de 2008 | 13h58

As chuvas que atingiram São Paulo na tarde de domingo e nos últimos dias abriram pelo menos dois buracos e causam reflexos no trânsito nesta segunda-feira, 24. Na região central, um buraco de cerca de 1 metro de diâmetro e 3 metros de profundidade abriu na esquina das ruas Frei Caneca e Dona Antônia de Queiroz. Na Barra Funda, o asfalto afundou e abriu um buraco de metros de diâmetro por cerca de 1,5 metro de profundidade na Rua do Bosque.   Veja também: Como o trânsito parou São Paulo e os números da frota As medidas que ajudariam a aliviar o trânsito na capital  Dossiê Estado: os números do trânsito em SP   Acompanhe a situação do trânsito rua-a-rua       Por conta do buraco na região da Rua Frei Caneca, veículos de grande porte não podem circular pelo local, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). A Prefeitura e a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) foram acionadas. Ainda não há desvios no trânsito da região, de acordo com a CET.   Já na Barra Funda, o motorista deve subir no Viaduto Orlando Murgel , acessar a Alameda Eduardo Prado à direita, depois entrar na Rua Conselheiro Nébias à esquerda, pegar à esquerda novamente na Rua Ribeiro da Silva, virar à esquerda mais uma vez para entrar Avenida Rio Branco e seguir pela Rio Branco sentido bairro até sair enfim novamente no Viaduto Orlando Murgel.

Tudo o que sabemos sobre:
trânsito em SPburaco em SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.