Em sete anos, São Paulo tem o primeiro Natal sem seqüestros

Casos de extorsão mediante seqüestro caíram 22% em relação a 2006, segundo a Secretaria de Segurança

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

27 de dezembro de 2007 | 09h47

A cidade de São Paulo teve pela primeira vez, em sete anos, um Natal sem registro de seqüestro. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, 27, pela Divisão Anti-Seqüestro (DAS) da Polícia Civil do Estado, que acrescentou, que do dia 21 de dezembro até a zero hora do dia 26 de dezembro, não houve registro de caso de extorsão mediante seqüestro na cidade.  Em relação a 2006, a capital registrou uma redução de 22% no número de extorsão mediante seqüestro, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo. Até esta quarta, foram registrados 48 casos do crime neste ano, sendo que em 2006 a capital teve 62 casos. Em 2007, em 64% dos casos atendidos pela DAS, a vítima foi libertada sem qualquer pagamento de resgate.

Tudo o que sabemos sobre:
segurançaseqüestrosNatal

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.