Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Em paralelo com Virada Sustentável, cidade de São Paulo recebe Festival de Luzes

A obra da abertura da terceira edição do evento, que acontece até 8 de novembro, é assinada pela dupla de artistas VJ Suave e tem como tema o consumo consciente

Renata Okumura, O Estado de S.Paulo

02 de outubro de 2020 | 20h44

SÃO PAULO - Terceira edição do Festival de Luzes de São Paulo deixa a capital paulista mais colorida e iluminada com projeções e instalações de artes em monumentos, parques e edifícios da cidade. Com temas inspirados no meio ambiente, o evento neste ano ocorre entre esta sexta-feira, 2, e 8 de novembro, em paralelo com a Virada Sustentável, que começou em 16 de setembro e vai até 18 de outubro. Neste ano, para evitar aglomerações por causa da pandemia do novo coronavírus, as projeções também serão transmitidas pelas redes sociais.

Assinada pela dupla de artistas VJ Suave, formada pela argentina Ceci Soloaga e o paulistano Ygor Marotta, a obra de abertura, que tem como tema o consumo consciente e a reciclagem de lixo, será projetada na parte exterior do Edifício Anchieta, no cruzamento da Avenida Paulista com a Rua da Consolação, no centro da capital paulista, a partir desta sexta-feira, 2, até domingo, 4, entre 19h e 23h59. "Queremos conscientizar a população para a importância de cuidar da natureza e reduzir a quantidade de lixo domiciliar", contou Ceci Soloaga.

Segundo ela, o público poderá conferir no trabalho ações que podem ser realizadas no cotidiano para reduzir o acúmulo de lixo residencial. "Ter caixas de compostagem onde podem ser colocados restos de frutas e legumes para não acumular mais lixo. Evitar o uso de isopor, que não é reciclado. Optar por comprar frutas inteiras para gerar menos lixo. Vamos transmitir pela arte de rua a importância do consumo consciente", acrescentou a artista argentina.

O Festival de Luzes de São Paulo contará com mais de dez atrações, assinadas por artistas, que incluem projeções mapeadas,intervenções com luzes, além de workshops e uma inédita combinação de performance suspensa com ballet de drones.

Nos próximos dias 10 e 12, a artista Elka Andrello apresenta projeção em animação que relaciona reciclagem e economia circular também no Edifício Anchieta das 19h às 23h59.

Para evitar tumultos na região, todas as projeções serão transmitidas pelos perfis @viradasustentavel e @luzes.SP do Instagram, além de poderem ser vistas ao ar livre. O evento é público e gratuito.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Virada Sustentávelreciclagem

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.