Em dois dias, chove 75% do esperado no mês na capital paulista

Frente fria que mudou o tempo em SP continua estacionada na região Sudeste e máxima de hoje não ultrapassa os 15º; tempo chuvoso melhorou qualidade do ar

Priscila Trindade, do estadão.com.br

14 de julho de 2010 | 13h10

SÃO PAULO - Em apenas dois dias choveu na cidade de São Paulo 32,6 milímetros, o equivalente a 75% do esperado para o mês de julho, de 44 milímetros.

 

Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura, a medição foi feita em 31 pontos da capital entre terça-feira, 13, e 7 horas desta quarta-feira, 14.

 

Por volta das 12h30, a cidade registrava cinco pontos de alagamento, sendo um intransitável na Rua Romão Gomes perto da Avenida Valdemar Ferreira, na zona oeste.

 

O tempo chuvoso melhorou a qualidade do ar. Segundo a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), todas as 18 estações que medem índice de qualidade do ar em diversos pontos da Região Metropolitana de São Paulo apontaram boas condições. Ontem, 13 estações registravam resultado positivo.

 

A frente fria que mudou o tempo em São Paulo continua estacionada na região Sudeste, onde provoca chuvas com intensidades que variam de fraca à moderada. Hoje, a capital amanheceu com tempo fechado, chuvoso e com temperatura na casa dos 13ºC. A temperatura máxima não ultrapassa os 15ºC.

 

Para os próximos dias, a previsão é que o tempo continue fechado com temperatura baixa e chuvas na região da capital e da Grande São Paulo. O tempo fica instável pelo menos até sábado. No domingo, o tempo começa a melhorar, mas o céu permanece encoberto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.