Em discurso de 1º de maio, Lula pede paciência com governo Dilma; leia as principais notícias da semana

Em busca de melhorias nas condições de trabalho e reajustes salariais, professores param em 10 Estados e 8 redes municipais

O Estado de S. Paulo

02 de maio de 2015 | 06h00

Ao discursar no evento de 1º de Maio da Central Única dos Trabalhadores (CUT), no Vale do Anhangabaú, em São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pediu aos trabalhadores que tenham paciência com a presidente Dilma Rousseff, como se tem com própria mãe porque ela vai fazer o País voltar a crescer. É preciso, segundo ele, dar as mãos à ela em um momento que passa por dificuldades mesmo que a presidente tome decisões que desagradem à categoria trabalhadora. Leia as principais notícias da semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.