Em Curitiba, idoso também morre atingido por galho

Um idoso morreu ontem à tarde ao ser atingido por um galho de árvore durante uma ventania em Curitiba. A chuva e os ventos de até 65 km/h causaram ainda a interrupção do fornecimento de energia elétrica em ao menos 30 mil domicílios, após galhos atingirem a fiação nas ruas.

Evandro Fadel, O Estado de S.Paulo

08 de junho de 2011 | 00h00

Manoel Dias, de 89 anos, foi atingido quando deixava o prédio em que morava, no bairro Água Verde. De acordo com vizinhos, o idoso morava sozinho, após a recente morte de sua mulher e de uma filha. Outra filha mora no exterior. Ele teria saído para pegar sua cachorra, quando foi surpreendido pela ventania e pelo galho, que caiu de uma altura de cerca de 10 metros e fraturou a sua coluna. Segundo a prefeitura de Curitiba, também foram registrados destelhamentos de casas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.