Em 1 ano, 31% mais denúncias

O registro pelo Disque-denúncia de maus-tratos contra animais cresceu cerca de 31% nos últimos 12 meses, somente no Estado de São Paulo, segundo informações do Instituto São Paulo Contra a Violência (ISPCV), que mantém o serviço 181. De novembro a fevereiro, o número de denúncias quase dobrou.

O Estado de S.Paulo

30 Março 2012 | 03h05

Ainda de acordo com o Disque-denúncia, foram 3.105 ligações informando alguma violência contra animais entre março de 2011 e fevereiro deste ano, ante 2.368 casos no mesmo período de 2010/2011. As denúncias só ficaram atrás de telefonemas relacionados a tráfico de drogas, jogos de azar e maus-tratos contra crianças, historicamente os três crimes com maior número de queixas.

Para o gerente de projetos do ISPCV, Mário Vendrell Royo, o aumento ocorreu após os casos de violência contra animais que surgiram nas redes sociais no fim do ano, fazendo esse tipo de denúncia subir no 181 do 8.º para o 4.º lugar, onde permanece desde novembro.

Ao todo, o 181 recebeu 155.939 de casos em 12 meses, alta de 1,4% em relação ao mesmo período do ano anterior (153.811). O serviço funciona desde outubro de 2000 initerruptamente e pode atender até 100 mil ligações por mês. O anonimato é garantido para qualquer tipo de denúncia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.