Educação é prioridade para paulistanos, aponta pesquisa

Em 2º e 3º lugar estão saúde e meio ambiente, segundo Indicadores de Referência de Bem-Estar no Município

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

17 Novembro 2009 | 19h45

Pesquisa feita pelo Movimento Nossa São Paulo sobre qualidade de vida aponta que educação é prioridade para os paulistanos. Mais da metade dos 36 mil entrevistados na Indicadores de Referência de Bem-Estar no Município (Irbem) consideram importante a existência de profissionais qualificados na área de ensino, além de vagas em creches e escolas próximos de casa.

 

Em segundo e terceiro lugar estão saúde e meio ambiente, respectivamente. Entre outros itens analisados na pesquisa estão moradia, trabalho, habitação, cultura e desigualdade social.

 

Fizeram parte da pesquisa online e impressa cerca de 12 mil pessoas com mais de 16 anos e 22.100 crianças e adolescentes de 10 a 15 anos.

Mais conteúdo sobre:
SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.