Rodrigo Cavalheiro/Futura Press
Rodrigo Cavalheiro/Futura Press

Edital para moradia em cima de metrô na zona leste sai até julho

Viabilizada com base na nova Lei de Zoneamento, a proposta prevê a construção de 7 mil moradias em cima e no entorno das estações de Metrô Bresser, Belém e Brás, todas na Linha 3-Vermelha

Adriana Ferraz, O Estado de S. Paulo

17 de abril de 2016 | 23h00

A Secretaria Estadual de Habitação estima lançar o edital da PPP do Metrô até o meio do ano. Viabilizada com base na nova Lei de Zoneamento, a proposta prevê a construção de 7 mil moradias em cima e no entorno das estações de Metrô Bresser, Belém e Brás, todas na Linha 3-Vermelha, que corta a zona leste. As unidades serão erguidas no perímetro que vai do Parque Dom Pedro até o Viaduto Salim Farah Maluf, passando pela Avenida Celso Garcia e a Rua da Mooca. 

A pretensão neste caso, como deve ocorrer na PPP do Tiquatira, é erguer unidades nos dois modelos existentes de construção popular: HIS e HMP. 

Para o secretário estadual de Habitação, Rodrigo Garcia, a proposta representa a conjunção de vários objetivos, além da construção de moradia popular, como requalificação urbana e integração social.

A possibilidade de erguer torres sem limite de altura em cima de estações de metrô foi autorizada pelos vereadores no fim de fevereiro, durante votação da revisão da lei que define quais os usos e ocupações do solo são permitidos na cidade. O Zoneamento agora prevê essa condição como forma de aumentar o adensamento em áreas da cidade dotadas de transporte público – foco também do Plano Diretor de 2014.

Nova York. A liberação dada pela Câmara Municipal de São Paulo vale tanto para as áreas operacionais, ou seja, sobre as estações e terminais já construídos, como para as áreas que ainda estão ociosas, mas que ainda pertencem ao Metrô ou à Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). O modelo pretendido pela gestão estadual tem como inspiração os condomínios populares erguidos sobre estações de Nova York. Lá, os prédios são “colados” às linhas.

Além das três estações citadas, outras podem despertar interesse do mercado, seja para projetos residenciais ou comerciais. Nessa lista estão áreas das estações Jabaquara e Tucuruvi, na Linha 1-Azul, e Barra Funda, na linha 3-Vermelha. 


Tudo o que sabemos sobre:
AdministraçãoHaddadZoneamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.