Durante feriado, cerca de 1,5 milhão de veículos devem deixar SP

Baixada Santista deve receber cerca de 420 mil veículos no feriado e concessionárias farão esquema especial para acompanhar o trânsito na saída e na volta do aniversário de SP

estadão.com.br,

21 Janeiro 2011 | 17h53

SÃO PAULO - A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estima que aproximadamente 1,5 milhão de veículos devem deixar a cidade de São Paulo em direção ao litoral e ao interior do Estado entre os dias 21 e 26 deste mês, feriado prolongado na cidade, que comemora os seus 457 anos nesta terça-feira, 25.

 

Veja também:

linkSaiba o que abre e fecha no feriado do aniversário de SP

 

A CET irá implantar a Operação Estrada, que visa o monitoramento da saída e do retorno à capital nesta sexta-feira, 21, no período da tarde, e sábado, nos períodos da manhã e da tarde para a saída; e na terça-feira, 25, nos períodos da manhã e da tarde, e quarta-feira (26/01), no período da manhã para a volta dos motoristas.

 

Ayrton Senna. A concessionária Ecopistas estima que mais de 200 mil veículos deixem a capital paulista pelo Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto, durante o feriado de aniversário de São Paulo.

 

Iniciada em 17 de dezembro, a Operação Verão da Ecopistas, se estenderá até 31 de janeiro. Durante essa operação, a concessionária disponibiliza 53 viaturas para atender os usuários. Entre elas estão ambulâncias de resgate, UTI móvel, rotas de inspeção, viaturas de apoio, guinchos leves e pesados e caminhão para apreensão de animais.

 

Caso haja congestionamento, a concessionária irá implantar a Operação Papa-filas nas quatro praças de pedágio das rodovias.

 

Em caso de emergência, os motoristas devem solicitar o auxílio da concessionária por meio do telefone gratuito 0800-7770070. Na Ayrton Senna, os motoristas também podem utilizar os telefones de emergência, localizados a cada quilômetro da estrada. As condições de tráfego do Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto podem ser obtidas no perfil da concessionária no www.twitter.com/ecopistas.

 

Litoral. A Baixada Santista deve receber cerca de 420 mil veículos no feriado. Segundo a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, tem início amanhã, às 14h, a Operação Descida.

 

Durante a operação, a descida da serra será feita pelas duas pistas da Anchieta e pela pista sul da Imigrantes. A subida para a capital será feita apenas pela pista norte da rodovia Imigrantes. A Operação Descida funcionará entre as 14h de sexta-feira, 21, até as 2h do sábado, 22; das 6h às 23h59 do sábado; das 7h às 13h e das 17h às 21h do domingo, 23.

 

Para facilitar a volta do feriado, a Ecovias inicia a Operação Subida no domingo, 23, às 22h. O acesso a São Paulo poderá ser feito pelas pistas norte e sul da rodovia dos Imigrantes e pela pista norte da via Anchieta. A Operação Subida será das 22h às 23h59 do domingo, das 17h às 21h das segunda-feira, 24, e das 16h às 22h da terça-feira, 25.

 

Cerca de 740 mim veículos trafeguem no sistema Anhanguera-Bandeirantes e outros 550 mil veículos devem circular pelos dois sentidos do sistema Castello Branco-Raposo Tavares e pelo trecho oeste do Rodoanel durante o feriado prolongado.

 

As obras em execução nessas rodovias, que causam interferência no tráfego, serão suspensas entre sexta e quarta-feira. No dia 25 de janeiro, entre 14 e 1 h, o tráfego de caminhões estará proibido na Castello Branco, sentido capital.

 

Dutra. Cerca de 234 mil veículos deixem a capital por conta do feriado pela Rodovia Presidente Dutra, segundo estimativas da CCR, que administra a rodovia.

 

Em alguns pontos da estrada estão sendo realizadas obras que não podem ser interrompidas e há interdição de uma das faixas. São eles:

 

- Km 14 (Lavrinhas) Contenção de encosta, tráfego fluindo pela faixa da esquerda da pista SP-Rio;

- Km 38 (Cachoeira Paulista) Construção de novo trevo de acesso a Cachoeira Paulista, tráfego fluindo em mão dupla pela pista sentido SP-Rio;

- Km 321 (Itatiaia), pista Rio-SP - Reconstrução de Drenagem, tráfego fluindo pela faixa da direita e acostamento;

- Km 232 (Piraí), pista SP-Rio, - Modernização e alargamento da ponte sobre o Rio Piraí, tráfego fluindo pela faixa da esquerda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.