Dupla é presa suspeita de matar homem após saída do banco

Os dois foram detidos em casa; crime aconteceu em fevereiro, no Tatuapé, zona leste de São Paulo

Marília Lopes, Central de Notícias

22 Março 2011 | 08h05

SÃO PAULO - A polícia prendeu ontem, 21, dois suspeitos do assassinato do comerciantes André Luiz Dantas de Souza, de 37 anos, morto após o crime conhecido como "saidinha de banco". Os suspeitos, um motoboy, de 27 anos, e um motorista, de 33 anos, foram presos em casa, na zona leste de São Paulo.

 

Souza foi morto em fevereiro, em frente a uma agência bancária do Itaú, na Avenida Celso Garcia, no Tatuapé, zona leste da Capital. A madrasta da vítima fez um saque de R$ 19.979 no banco e ao sair foi abordada pelos suspeitos. Souza, que esperava no carro, viu a ação dos bandidos e reagiu, correndo em direção ao banco. A dupla disparou contra ele e a madrasta, atingida na perna.

 

O caso é investigado pelo 52º Distrito Policial (DP) e os dois suspeitos tiveram a prisão temporária decretada pela Justiça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.