Dupla é presa após a chamada 'saidinha de banco' no Itaim Bibi

Vítima sacou R$ 2 mil e foi atacada no estacionamento da agência bancária

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

22 Março 2012 | 02h41

SÃO PAULO - Dois bandidos foram presos, no final da tarde de quarta-feira, 21, por agentes do Departamento de Investigações Criminais (Deic), após realizarem a chamada 'saidinha de banco', no Itaim Bibi, zona sul da capital.

 

Na altura do número 4.700 da Avenida Santo Amaro, os policiais, que faziam diligência investigativa na região, viram a vítima sendo atacada dois motociclistas no estacionamento de um banco. A cliente havia acabado de sacar R$ 2 mil e teve que entregar tudo aos bandidos, que fugiram rapidamente.

 

A equipe seguiu a moto, mas, pouco depois, o garupa desceu, com a arma e o dinheiro, e entrou em um Fiat Palio - com vidros escurecidos por película. O motociclista então foi embora. Os policiais ainda seguiram o Fiat por 10 quilômetros, até a Avenida Sargento Geraldo Santana, no Campo Grande, também na zona sul, onde ocorreu a abordagem.

 

Durante o trajeto, o responsável pelo ataque à vítima escondeu o dinheiro e a arma embaixo do banco e trocou de roupas, para evitar ser identificado. Mesmo assim, os investigadores encontraram um comprovante de pagamento junto com o dinheiro e localizaram a vítima, que reconheceu o criminoso.

 

Fernando Domingos Gonçalves, de 29 anos, e Júlio César do Carmo Santana, de 32, que conduzia o veículo, foram autuados em flagrante na sede do Deic. A Polícia espera agora chegar ao piloto da motocicleta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.