Dupla é detida com 200 quilos de maconha na zona sul de São Paulo

Traficantes podem ter envolvimento com quadrilha de assaltos a bancos

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

02 Dezembro 2011 | 05h08

SÃO PAULO - Dois traficantes de drogas, suspeitos de ligação com uma quadrilha especializada em assaltos a bancos, foram presos, por volta das 20 horas de quinta-feira, 1, em posse de 200,9 quilos de maconha no interior de uma das residências da Rua da Pátria, no Jardim Campestre, região do Jabaquara, na zona sul de São Paulo.

 

A polícia acredita que os dois detidos, de prenomes Rosenildo e Diógenes, estejam envolvidos com assaltos a agências bancárias, pois um dos dois revólveres calibre 38 que foram apreendidos com a dupla pertence a um dos seguranças rendidos, no último dia 25 de novembro, por assaltantes que invadiram uma agência bancária do Bradesco na cidade de Diadema, no Grande ABC. O assalto rendeu R$ 400 mil à quadrilha.

 

Os policiais da Força Tática do 3º Batalhão chegaram à casa denunciada e encontraram três sacos de nylon, contendo um total de 109 tijolos de maconha, debaixo da cama. A residência, segundo a PM, foi alugada por Rosenildo e o Peugeot 206 prata estacionado em frente ao imóvel e também informado na denúncia não tinha queixa de roubo ou furto.

 

A dupla foi encaminhada para o 26º Distrito Policial, do Sacomã, e autuada por tráfico, porte ilegal de arma e receptação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.