VIVI ZANATTA/AE
VIVI ZANATTA/AE

Duas travestis e dois homens roubam arma de delegado no Butantã

Crime ocorreu na noite de terça-feira quando policial voltava para o carro depois de ir a uma padaria; caso foi registrado no 31º DP

Alexandre Hisayasu, O Estado de S. Paulo

05 Maio 2016 | 17h58

SÃO PAULO - O delegado Armando de Oliveira Costa Filho, responsável pela 5ª Seccional Leste, foi assaltado por dois homens e duas travestis, na terça-feira, 3, por volta das 22h, na região do Butantã, na zona oeste da capital. Os criminosos levaram documentos pessoais e a arma da Polícia Civil que estava com o delegado.

Segundo a polícia, o delegado estacionou o seu carro na esquina da Rua Salvador Garcia com a Avenida Vital Brasil e foi a pé até uma padaria próxima. Na volta, percebeu que o veículo estava com avarias nos vidros. De repente, foi surpreendido pelos quatro ladrões, um deles armado, que levaram cartões bancários, cheques e o registro do porte de arma, além da pistola glock 9 mm da corporação.

O caso foi registrado no 31º DP (Vila Carrão).

Procurada, a Secretaria de Segurança Pública disse que "policiais estão em diligência para identificar e prender os autores". O delegado informou que foi vítima de um roubo e que o caso está sendo investigado pelo 51º DP (Butantã). 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.