Duas perguntas para

Gilberto Kassab, Prefeito de São Paulo

, O Estado de S.Paulo

24 de junho de 2011 | 00h00

1.O que o senhor tem a falar sobre a proposta de aumentar o seu salário?

Não é compreensível que em uma cidade como São Paulo, com um dos maiores orçamentos do País e do mundo, funções de muita responsabilidade (como as secretarias municipais) tenham à frente pessoas que não sejam qualificadas. E o mercado de trabalho dessas pessoas é um mercado valorizado. Portanto, é correto que seja (reajustado o valor dos salários). Apenas está mudando a forma de remunerar..

2.Mas esse valor não é muito alto?

Eu já disse que o salário é correto. Pedi que a Câmara fizesse porque é correto. No meu caso, vou abrir mão do salário extra porque é mais correto e mais ético, mas fica como um legado para os meus sucessores. Um prefeito precisa de um padrão de vencimento compatível com o cargo. Do jeito que as coisas estão hoje, uma pessoa não poderia pleitear a Prefeitura.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.