Duas mulheres são detidas em Barretos por aplicar golpes em idosos

Elas se passavam por assistentes sociais para entrar na casa das vítimas e roubar cartões de crédito

Carolina Spillari, Estadão.com.br

02 de junho de 2011 | 17h25

SÃO PAULO - Duas mulheres foram detidas e indiciadas nesta quinta-feira, 2, em Barretos por aplicar golpes em idosos se passando por falsas assistentes sociais.

 

De acordo com a Polícia Civil de Barretos, a dupla usava uniformes brancos e se prontificava a medir pressão e fazer teste de diabetes. Suzana Aparecida da Silva, de 44 anos, e Mirian Conceição Fernandes, de 19, tinham material médico adequado para isso.

 

O alvo das duas eram pessoas de 60 a 70 anos, que costumam anotar as senhas do banco e deixar junto ao cartão de crédito. Uma das vítimas fez um boletim de ocorrência e reconheceu a fotografia das duas. Enquanto uma atendia o paciente, a outra procurava o cartão de crédito. Outras pessoas que também praticam o crime em Barretos estão sendo investigadas.

Tudo o que sabemos sobre:
BarretosgolpesidososSPcrime

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.