Dono é condenado a pagar multa por abandono e morte de cães

Foram encontrados 43 cachorros abandonados em São Pedro, no interior de São Paulo - 21 morreram durante o resgate; sobreviventes estão em clínica veterinária

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

09 Setembro 2016 | 08h58

SOROCABA - A Justiça condenou ao pagamento de multa de R$ 1.480 o proprietário de uma casa onde foram encontrados 43 cachorros em situação de abandono, no último dia 2, em São Pedro, interior de São Paulo. Durante e após o resgate, 21 animais morreram. A decisão, dada na quinta-feira, 8, prevê ainda a prestação de serviços à comunidade e a perda da guarda dos animais. Conforme a sentença, a multa equivale aos gastos com o tratamento dos cães que sobreviveram e o pagamento poderá ser parcelado em dez vezes. 

Os cães sobreviventes recebem tratamento de uma clínica veterinária. Depois que estiverem recuperados, os animais serão colocados para adoção. A situação de abandono dos cachorros foi denunciada por associações de proteção a animais. O dono do imóvel mantinha também um comércio de artesanato que, segundo os ativistas, servia de fachada para o comércio clandestino de cães, especialmente da raça cocker. Policiais militares foram ao local e resgataram os animais, mas sete deles já estavam mortos. Outros 14, famintos e debilitados, não se recuperaram. O suspeito dos maus tratos não atendeu a reportagem.

 

Mais conteúdo sobre:
JustiçaSão Pedro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.