Dono de bar morre ao reagir a assalto na zona oeste de SP

Vítima teria sacado um revólver e atirado contra os quatro bandidos, que revidaram e o atingiram na testa

Pedro da Rocha, do estadão.com.br,

04 de junho de 2012 | 06h20

SÃO PAULO - O dono de um bar morreu, no final da tarde de domingo, 3, ao reagir a um assalto em seu estabelecimento, no número 268 da Avenida José Joaquim Seabra, no Rio Pequeno, zona oeste de São Paulo. Os quatro criminosos fugiram levando um revólver calibre 38 da vítima.

 

Segundo a polícia civil, quatro homens armados invadiram o bar de José Geraldo De Gois, de 48 anos, por volta das 18 horas, e anunciaram o assalto. De Gois teria sacado um revólver e atirado contra os bandidos. Um criminoso acertou um tiro na testa do dono do estabelecimento.

 

Socorrido no Hospital Bandeirantes, ele morreu. Na cintura da vítima a polícia encontrou uma faca. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.