Diogo Moreira/A2 Fotografia/Divulgação
Diogo Moreira/A2 Fotografia/Divulgação

Dois suspeitos de sequestro são mortos em tiroteio com a PM

Homens abordaram mulheres em Cotia e seguiram para Osasco, onde bateram carro em portão de uma casa e iniciaram confronto

Luciana Amaral, O Estado de S.Paulo

06 Abril 2016 | 07h27

SÃO PAULO - Dois homens suspeitos de praticar um sequestro relâmpago morreram após trocas de tiros com a Polícia Militar na noite desta terça-feira, 5, em Osasco, na Grande São Paulo.

Segundo a corporação, eles abordaram duas mulheres em um carro e praticaram o sequestro na Avenida João Paulo Ablas, no bairro de Jardim da Glória, em Cotia, também na região metropolitana, por volta das 22 horas. A polícia foi acionada em uma ligação anônima por telefone e passou a perseguir os suspeitos, que seguiram para Osasco.

Na cidade, eles bateram o veículo no portão de uma casa na Avenida Doutor Kenkiti Shimomoto. Após troca de tiros com a PM, um suspeito morreu no local. O outro tentou fugir a pé e atirou contra os policiais, mas foi baleado e também morreu.

As vítimas foram socorridas e levadas para o Hospital Regional de Osasco. Até a manhã desta quarta-feira, 6, elas estavam sob cuidados médicos, de acordo com a PM.

Outra perseguição. Informações preliminares apontaram que houve também perseguição policial na Avenida Visconde de Nova Granada, em Osasco. Pelo menos dois homens foram presos suspeitos de praticar assaltos na região por volta das 6h30 desta quarta-feira. O trânsito no local estava lento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.