Dois são presos acusados de assassinar gerente no ABC

Homem de 40 anos foi morto no dia 19 de setembro; terceiro suspeito do crime continua foragido

Solange Spigliatti, Central de Notícias

16 de outubro de 2009 | 13h32

Dois homens foram presos na madrugada desta sexta-feira, 16, em Santo André, no Grande ABC paulista, acusados de assassinarem um gerente de vendas, de 40 anos, no último dia 19 de setembro. Um terceiro suspeito continua foragido.

 

Veja também:

linkHomem reage e é morto a tiros (para assinantes)

 

O gerente de vendas Doniseti Aparecido Bissoli, de 40 anos, foi morto a tiros no bairro Santa Maria, durante um assalto. Três homens, um deles armado, entraram num estande de vendas de imóveis na Alameda São Caetano, e anunciaram o assalto.

 

Depois de roubar os computadores do estabelecimento, celulares e outros pertences das vítimas, os bandidos trancaram cinco pessoas no banheiro. O gerente chegou ao local e entrou em luta corporal com Filipe, que atirou três vezes em Doniseti.

 

Após investigações, policiais da Delegacia de São Caetano do Sul prenderam Filipe Eduardo dos Santos da Silva, de 18 anos, e Bruno Roberto da Silva, de 21 anos. Um terceiro homem continua foragido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.