Dois PMs aposentados são mortos por bandidos na Capital e Osasco

Ambas as vítimas fazia segurança em posto de gasolina; um dos sargentos mortos trocou tiros com assaltantes, o outro foi supreendido e executado por desconhecidos

03 de janeiro de 2012 | 03h20

SÃO PAULO - O sargento PM reformado (aposentado) Paulo Fernando Ribeiro Borges, de 57 anos, e um bandido morreram, às 22h55 de segunda-feira, 2, durante uma troca de tiros entre quatro assaltantes e Borges no posto Menk, localizado na altura do nº 1.400 da Avenida Doutor Alberto Jackson Byington, na Vila Menk, zona norte de Osasco, na Grande São Paulo.

 

O grupo teria chegado a pé, anunciou o assalto e tomou cerca de R$ 700,00 do caixa. O ex-policial, que atuou no 42º Batalhão, com sede em Osasco, abordou os criminosos, que revidaram. Atingido na cabeça, Paulo Fernando morreu quando era atendido no Hospital Regional de Osasco. Também baleado no tiroteio, um dos bandidos, ainda não identificado, pois não portava documentos, morreu no mesmo hospital.

 

Os comparsas dele fugiram com a arma utilizada no assalto e com o dinheiro retirado do caixa. Acionados por um policial rodoviário estadual que testemunhou o tiroteio, PMs do 42º Batalhão não conseguiram localizar os demais bandidos. O caso foi registrado no 10º Distrito Policial, do Jardim Helena Maria.

 

Capital. O 3ª sargento da PM aposentado foi morto, quase nas mesmas circunstâncias, na manhã de segunda-feira, 2. Edson Villas Boas morreu às 09h30 após ser baleado em um posto de gasolina na altura do nº 12.121 da Avenida Raimundo Pereira de Magalhães, no Jaraguá, região noroeste da capital paulista.

 

Pelo menos três bandidos, todos aparentemente menores, em um caminhão branco e uma moto, chegaram no posto e atiraram contra a cabeça da vítima. O sargento ainda foi socorrido no Hospital Geral de Taipas, mas não resistiu aos ferimentos. O caso foi registrado no 74º Distrito Policial, de Parada de Taipas. O corpo do sargento foi levado à tarde para o Cemitério do Araçá, região centro-oeste da capital paulista, onde será enterrado nesta terça-feira, 3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.