Dois moradores de rua morrem de frio no Estado de SP

Dois moradores de rua morreram de frio na madrugada de ontem no Estado de São Paulo. Um deles foi encontrado morto em Juquitiba, na Grande São Paulo, e outro em Penápolis, na região de Araçatuba.

Carolina Spillari e Evandro Fadel, O Estado de S.Paulo

29 de junho de 2011 | 00h00

Em Juquitiba, onde os termômetros registraram 1°C, um homem conhecido como Russo foi encontrado morto na Praça Manuel Jesuíno Godinho, no centro da cidade. A perícia feita no corpo constatou que a morte foi causada pela baixa temperatura.

Na cidade de Penápolis, a vítima foi Dejair Ramos da Silva, de 48 anos. Seu corpo foi encontrado na Vila das Fábricas, perto da linha férrea, por volta de 6 horas. A cidade registrou 4,6ºC.

Na cidade de São Paulo, pelo menos 90 moradores de rua foram convencidos por agentes da Secretaria Municipal de Assistência Social a ir para os Centros de Acolhida.

Em Curitiba, o Instituto Médico-Legal (IML) examina se um homem de 51 anos foi morto por hipotermia. O corpo de João Ademir Hoffman foi encontrado na frente da casa onde morava, no bairro Pilarzinho. Não havia sinais de agressão. Hoffman havia saído de casa na noite de segunda-feira para ir ao bar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.