Dois homens são presos em São Paulo portando distintivos da polícia civil

Mais provável é que presos se passem por policiais para intermediar transações com criminosos

Pedro da Rocha, da Central de Notícias,

22 de maio de 2010 | 21h12

SÃO PAULO- Dois homens foram presos na noite deste sábado, 22, portando distintivos de investigadores da Polícia Civil. Eles foram abordados por policiais militares no bairro da Penha, zona leste de São Paulo, após apresentarem atitude suspeita.

 

Os dois estavam dentro de um carro Golf preto, na Avenida Governador Carvalho Pinto, quando detidos. Dentro do veículo os policiais encontram ainda um giroflex (aparelho luminoso para carro de polícia) e vários celulares.

 

Segundo o soldado Emerson Trado, membro da equipe da Força Tática do 51º BPM/M, que efetuou a prisão, o mais provável é que os criminosos fossem "gansos". Esse termo é usado para identificar pessoas que se passam por policiais, com o auxílio destes, para intermediar transações com criminosos ou praticar extorsão.

 

Também participaram da prisão o Sargento Dutra, Cabo Malta e Soldado Prado. Os criminosos foram encaminhados ao 10º DP e devem responder por usurpação de função publica e falsidade de identidade pública.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.