Do Reserva Cultural ao Belas Artes

Avenida Paulista: neste trecho da via estão o Masp, a Livraria Cultura e mais de 20 salas de cinema

Diana Dantas, O Estado de S.Paulo

04 Fevereiro 2011 | 00h00

O escritor infanto-juvenil Pedro Bandeira divide seu tempo entre uma chácara em São Roque, no interior do Estado, e um apartamento próximo do seu trecho favorito da Avenida Paulista - entre os cinemas Reserva Cultural e Belas Artes. "Vou às exposições do Masp, passo horas na Livraria Cultura do Conjunto Nacional e ainda assisto a um filme no Espaço Unibanco da Augusta."

Bandeira explica que nessa parte da avenida encontra tudo o que precisa sem ter de usar o carro. "Essa é a minha vida: literatura, cinema e teatro." Quando era mais jovem, porém, ele preferia ficar horas na região da Biblioteca Mário de Andrade, no centro. "Hoje a área está tão abandonada que dá medo voltar, mesmo agora que a biblioteca foi reformada. Aliás, deve estar linda!" ,

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.