Dilma anistia policiais e bombeiros grevistas

A presidente Dilma Rousseff sancionou ontem, sem vetos, a lei que concedeu anistia aos policiais e bombeiros militares do Rio, de outros 12 Estados e do Distrito Federal punidos por participar de movimentos reivindicatórios. Os anistiados ficam livres de sanções do Código Penal Militar, mas não das do Código Penal. A decisão de Dilma contrariou orientação da Advocacia-Geral da União (AGU), que entendeu que a lei aprovada no Congresso, de autoria do senador Lindbergh Farias (PT-RJ) era inconstitucional.

O Estado de S.Paulo

12 Outubro 2011 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.