EVELSON DE FREITAS/ESTADÃO
EVELSON DE FREITAS/ESTADÃO

Diarista ganha prótese dentária graças a reportagem

Reportagem do Estado mostrava déficit de cirurgiões dentistas na rede municipal de SP

25 de outubro de 2013 | 14h06

A diarista Sandra Siqueira Mota está de sorriso novo graças a uma matéria publicada pelo Estado e à boa vontade de profissionais ligados ao Sindicato dos Odontologistas do Estado de São Paulo. Em 20 abril, uma reportagem relatou a falta de dentistas na rede municipal paulista, cujo déficit de profissionais chegava a 33%. A história de Sandra, que estava na fila de espera por uma prótese dentária e havia sido avisada pela dentista da UBS que todo o processo poderia levar mais de um ano, comoveu o sindicato, que se prontificou a ajudá-la.

Depois de algumas consultas, Sandra estreou a dentadura nova há 15 dias. Agora, ela passa por um período de adaptação e diz que, em breve, espera poder comer até rapadura. 

Segundo o presidente do sindicato, Pedro Petrere, o órgão oferece um programa gratuito que atende cerca de 30 mil pessoas por ano, com a realização de diversos tratamentos dentários. Os interessados devem procurar o sindicato e se inscrever no projeto. Ele diz que também há filas de espera, mas ressalta que são menores que as da rede pública.

O outro caso relatado pela matéria também teve um final feliz. O marceneiro Emídio Nunes de Souza, que estava na fila da prótese há mais de três anos, foi chamado pelo sistema municipal de saúde pouco tempo depois de a reportagem ter sido publicada. 

Mais conteúdo sobre:
Saúde, odontologia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.