Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Dia do Trabalho: Saiba o que abre e o que fecha no feriado em SP

Bancos não abrem, bem como unidades do Poupatempo; CET informa que rodízio de carros estará suspenso no Dia do Trabalho

Pedro Prata, O Estado de S.Paulo

30 de abril de 2019 | 15h25

Em 1º de maio se comemora o Dia do Trabalho. A data presta homenagem a um protesto de trabalhadores de Chicago, em 1886, para pedir a redução da jornada de trabalho de 13 para 8 horas.

A reivindicação se tornou global e muitos países adotaram a data como feriado nacional. O Brasil entrou para a lista em 1924, com decreto do presidente Artur Bernardes. Confira o que abre e o que fecha durante o Dia do Trabalho em SP:

 

AGÊNCIAS BANCÁRIAS

Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), os bancos não abrem em feriados oficiais. Desse modo, as contas com vencimento no Dia do Trabalho podem ser pagas na quinta-feira, 2, sem acréscimo de multas ou juros.

 

RODÍZIO MUNICIPAL, FAIXAS E CORREDORES DE ÔNIBUS

A Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes informa que o rodízio municipal de veículos não vai valer para o Dia do Trabalho, inclusive para veículos pesados (caminhões). Também não estarão em vigor a Zona de Máxima Restrição de Circulação (ZMRC) e a Zona de Máxima Restrição de Fretamento (ZMRF).

O serviço de estacionamento rotativo (Zona Azul) irá funcionar normalmente, conforme indicado nas placas de sinalização em cada local. Já as ciclofaixas de lazer serão ativadas das 7h às 16h.

De acordo com o site da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a circulação de veículos de passageiros nas faixas de ônibus estará liberada entre a 0h de quarta-feira (1º) e as 4h da quinta-feira.

A CET ainda vai monitorar e orientar o trânsito na região do Vale do Anhangabaú, das 10h às 20h. As operações no centro da cidade serão feitas em virtude das comemorações programadas para o Dia do Trabalho.

 

POUPATEMPO

Todas as 73 unidades do Estado estarão fechadas durante o feriado. Os totens de autoatendimento situados em shoppings, estações do Metrô e CPTM funcionam normalmente, bem como o agendamento pela internet.

 

METRÔ

Por meio de sua assessoria, o Metrô de São Paulo informa que terá funcionamento normal durante o Dia do Trabalho.

 

POSTOS DE ATENDIMENTO DA SPTRANS

Pontos de venda em terminais de ônibus e no Expresso Tiradentes terão atendimento normal durante o Dia do Trabalho. Por outro lado, as lojas e postos na Augusta, Santa Cecília, Rua 15 de Novembro, Rua Boa Vista, terminais Santo Amaro e Pirituba, que atendem idosos e pessoas com deficiência, estarão fechados.

 

LINHAS DE ÔNIBUS

A frota operacional no Dia do Trabalho será reduzida para 39%. A assessoria de imprensa do órgão informou que não há alteração de linhas aos feriados, apenas da frota operacional.

 

FUNDAÇÃO PRÓ-SANGUE

Apenas o posto de coleta do Hospital das Clínicas ficará aberto. O horário de funcionamento é das 8h às 17h, com um limite de até 500 candidatos. Todos os outros postos estarão fechados neste Dia do Trabalho.

 

SHOPPINGS

Cada shopping possui um horário reduzido de funcionamento durante o Dia do Trabalho. Praça de alimentação, lojas e quiosques possuem horários diferenciados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.