DHPP afirma que investigação ainda não foi concluída

O Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) afirma que a investigação do caso está em andamento e os laudos do Instituto de Criminalística são importantes para o esclarecimento de eventuais dúvidas. O delegado do Grupo Especializado em Local do Crime (Geacrim-5), José Mário de Lara, ouviu o dono da casa onde Jefferson se escondeu antes de morrer. "Ele disse que não viu nada", afirma. "A arma que o Jefferson teria usado também foi apresentada e aguardamos os resultados do IC para saber se haverá informações relevantes."

Bruno Paes Manso, O Estado de S.Paulo

24 Julho 2011 | 00h00

A delegada Fabiana Sarmento de Sena, da equipe C leste do DHPP, afirma que o pai e demais testemunhas devem em breve ser ouvidas e que os ofícios já foram enviados. "Buscamos informações e qualquer ajuda é bem-vinda."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.